17 de junho de 2018

Opinião: Narrativa


NARRATIVA
Texto postado no Facebook em 17/06/2018

Quando lecionava Ciências para jovens e adultos, presenteava meus alunos com um documentário sobre a "história do mundo em duas horas" da History.
A parte que mais me fascinava era como os seres humanos começaram a sua comunicação: sons que foram adquirindo significado. A pintura rupestre simbolizando o cotidiano daquela época: caçadas, cerimônias, natureza. O documentário vai trazendo as histórias das antigas civilizações, das primeiras invenções tecnológicas, da escrita, dos números...
Na história da humanidade, tudo passou pelas narrativas.
Estou acompanhando, pela internet, o que aconteceu com o prêmio Jabuti neste ano. Equívocos, ignorância, preconceito, engessamento. Um prêmio tão importante para a literatura brasileira não merecia esse retrocesso.
Várias pessoas do mundo literário estão se mobilizando contra tudo isso.
Nós, que acompanhamos as produções de literatura infantil e juvenil, precisamos apoiar os nossos autores.
Livro é papel, tinta, cor, cheiro, textura, som das páginas folheadas... 

Pensamento, oralidade, imagem, palavra.
Livro é morada da narrativa. 

Em apoio aos queridos Roger Mello e Volnei Canonica.
E a todos os autores de literatura infantil e juvenil.

Arte rupestre de Sulawesi

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...